domingo, março 26, 2017

Hora de ir embora da festa

Quem é que não gosta de se divertir sem horário para acabar? Todo mundo. Comemorar alguma coisa é sempre bom, quando estamos felizes com alguma coisa na nossa vida, uma festa é uma ótima maneira de celebrar tudo o que lutamos e muitas vezes sofremos para conquistar.

Quando não somos nós que fazemos a festa, o motivo para comemorar a alegria de outra pessoa é inspirador, pois a partir daí o dono da festa está dividindo a felicidade com outras pessoas. Eu acho que quando a alegria não é dividida ela se torna egoísta.

Uma pessoa que sempre quer ser feliz sem gerar alguma coisa de positiva na vida de outras pessoas não sabe o quanto é bom compartilhar momentos bons. Muitas vezes uma alegria se torna melhor quando é dividida.

Uma festa é feita para que seja compartilhada essa alegria. Não são todos os dias que uma festa é feita, quando não vamos fazer é muito bom participar de uma. Esse tipo de diversão é um dos melhores que existem.

Tudo na vida tem o seu momento, até mesmo as festas. Uma pessoa que só pensa em festas dificilmente não vai saber qual a hora certa para parar, mas chega um momento que é melhor saber a hora de ir embora.

Para mim quando alguma coisa se banaliza o seu valor fica comprometido, se alguém todos os dias faz alguma coisa que gosta muito como uma festa por exemplo, quando chegar um certo momento a festa se tornará cansativa, é preciso de um tempo para outra, e depois outra. As pessoas em geral acabam valorizando e desejando o que não têm, então por isso é importante saber o momento de sair da festa para que possamos com ânimo e sem estar entediados aproveitar as próximas que virão.

Tudo na vida é uma questão de equilíbrio, tudo o que é demais se torna sem graça, tudo o que é de menos se torna insuficiente, e tudo que está moderado tem a sua medida certa. Às vezes é necessário saber o momento de parar até mesmo quando a situação parece boa e favorável. A graça das festas está na novidade, e se isso se torna rotina não fica tão interessante assim.